quarta-feira, 10 de março de 2010

Até quando Silveira?

silveira tem cinquenta anos de história.
os poucos cabelos brancos encaracolados
brilham quando a luz encontra o suor
sempre presente em seu rosto redondo.
sua barriga deforma a camisa presa na calça.
silveira sofre de enfisema há cinco anos
mas isso ainda não o impediu de apreciar
sem moderação seus cigarros longos.

14 comentários:

  1. BELO HEIN
    GOSTEI DOS TEXTOS AQUI

    ResponderExcluir
  2. suas " poesias" tem algo de diferente, são ao mesmo tempo: a cosntrução de um personagem ( como num quadrinho do angeli), a narração de um drama pessoal, uma reportagem do dia a dia...
    parabens , gosto de comentar seus posts
    Ibere

    ResponderExcluir
  3. É, meu amigo.. Silveira morrerá cedo.

    ResponderExcluir
  4. silveira
    o típico
    cidadão brasileiro!

    ResponderExcluir
  5. silveira e mais um entre tantos que usam essa droga que é o cigarro...apesar de 50 anos de historia ele não aprendeu nada...

    ResponderExcluir
  6. Você descreveu uma figura típica brasileira, pois existem muitas pessoas assim como o Silveira.
    Sucesso com o blog!

    ResponderExcluir
  7. Hahaha bem interessante curti o espaço não cansa
    é bem original..voltarei sem duvidass

    http://contemporaneoeindiscreto.blogspot.com/

    Comentado com conteudo ! e sem comentario do tipo !"legal"

    ResponderExcluir
  8. todos se resumem a Silveira....velho, gordo e teimoso....abraço

    http://quemejoni.zip.net/

    ResponderExcluir
  9. O que chama atenção são os dois ultimos versos.

    "mas isso ainda não o impediu de apreciar
    sem moderação seus cigarros longos."

    Cada um escolhe o desfecho de sua estória.

    ResponderExcluir
  10. Que Jossa... Na vida real tenho "Silveira" no nome!! É esse o meu destino??? ToT

    ResponderExcluir
  11. Puxa,com seu texto eu realmente entro na história!!

    Obs:Sim,acho que é amor...

    ResponderExcluir
  12. gostei......infelizmente o vicio do cigarro acaba com muitas pessoas!

    ResponderExcluir